Casa      Dicas de Uso
Imprimir esta páginaAcrescentar aos Favoritos
 
   

VISITOR COUNTER

 
 
 
 
 
 
 
 
 

 
 
Acne
Aplique com cotonete puro sobre a acne para limpar ou antes de uma extração. Diluir 5 gotas de óleo de melaleuca em 5 ml de óleo vegetal de calêndula e fazer um curativo à noite.
 
O óleo de melaleuca possui ação antimicrobiana ampla e, consequentemente, eficácia cientificamente comprovada para o uso em formulações de tratamentos anti-acne.

Loção: misturar 25 gotas de óleo de melaleuca em 100 ml de água. Colocar em um frasco escuro (âmbar) e agitar bem antes de usar. Aplicar no rosto, com algodão, pela manhã e a noite. sempre após ter lavado o mesmo.
Para entender a ação do óleo de melaleuca sobre a acne, é importante saber que ela é causada pelo aumento da secreção de sebo pelas glândulas sebáceas em conjunto com o acúmulo de células mortas que leva à obstrução dos poros da pele.

Sem ser expelido, o sebo acumulado libera algumas substâncias que causam irritação da pele e inflamação local: um meio propício para bactérias se desenvolverem – em especial a Propionibacterium acnes que é a causadora da acne.
A ação antimicrobiana do óleo de melaleuca elimina essas bactérias, por isso é efetiva para tratamentos de casos de acne vulgar.
 
A cura com aromas é um método holístico e suave que atua sobre o corpo e a alma. Os óleos essenciais atuam harmonizando, isto é, ajudam o organismo a sair de um estado de desequilíbrio, espasmódico, encontrando o equilíbrio ideal. Esta harmonia manifesta-se na saúde e bem-estar. Muitos dos problemas que pareciam insolúveis apresentam-se sob um novo enfoque, recupera-se a força de ação.

Possibilidades: aditivo para o banho, óleo para massagem, óleo para inalações ou compressas, óleo para “réchaud” ou lâmpada de aromas.
Através do nariz diretamente ao cérebro: as essências são absorvidas com grande facilidade pela pele e as mucosas, chegando até o sistema circulatório, onde estimulam a circulação e o sistema imunológico e de auto cura do corpo. Os odores atuam diretamente sobre o estado psíquico, pois o sistema olfativo está ligado à parte do cérebro responsável pelos sentimentos. Os óleos essenciais valiosos não somente exercem um efeito estimulante, harmonizador e rejuvenescedor sobre a pele, como também em todo organismo. Por esse motivo, o óleo de melaleuca ocupa um lugar principal na aromoterapia.
 
Modo de Uso: colocar umas gotas do óleo na lâmpada de aromas, vaporizador ou xícara com água quente.
 
Efeitos: desinfeta quartos de enfêrmos, deixa o ar mais fresco e saudável no ambiente, protege contra insetos e aumenta o bem estar físico e psíquico.
 
Assaduras de bebês
Misture duas gotas do óleo de melaleuca em uma colher de sopa de óleo vegetal de amêndoas doces ou calêndula e passe na pele do bebê, contra assaduras. Você pode colocar 1 gota na hora de lavar as fraldas de pano para esterelizá-las.
 
Assepsia e controle de bactérias:
Extremamente útil na proteção de ambientes hospitalares, clínicas, consultórios dentários e outros onde haja proliferações de bactérias. Pode-se usar em borrifadores (cerca de 20 gotas para cada 100 de água).Agite sempre antes do uso. Muito eficaz também, na lavagem de pisos e paredes destes estabelecimentos, assim como muito útil na assepsia de equipamentos cirúrgicos, dentários, podologia e outros que necessitem desta proteção.
 
Bromidrose (chulé), frieiras:
Em uma bacia com água morna e com 6 a 7 gotas do óleo essencial de melaleuca, colocar os pés em infusão por cerca de 15 a 20 minutos. Utlizar 2 a 3 vezes por semana. Isto regulará a sudorese (suor dos pés) que é responsável pela atuação de bactérias neste meio. Pode-se usar também, uma bolinha de algodão com 1 gota do óleo nos calçados e guardá-los assim.
 
Candidíase normal (corrimento) ou orofaringeal:
Faça um banho de assento utilizando 1 litro de água morna e 5 gotas de óleo essencial de melaleuca por 10 minutos. Utilize calcinha de algodão e uma gota de óleo aplicada no absorvente íntimo ou intra-uterino.
 
Caspa, queda de cabelo e seborréia:
Adicionar 2 gotas de óleo de melaleuca no shampoo de uso diário, ou misturar 4 gotas do óleo em 200 ml de shampoo base neutra, preferencialmente.
 
Doenças bucais, aftas, halitose (mau hálito) e prevenção da cárie:
Diluir 10 gotas de óleo de melaleuca em 200 ml de água e usar como enxaguante bucal após a escovação. É aconselhavel usar um frasco de vidro de cor escura (âmbar).
 
Dor de dente:
Utilizar 1 gota sobre o local dolorido.
 
Dor de gargante, garganta inflamada, laringite e amidalite:
Adicionar 1 a 2 gotas de óleo de melaleuca em um copo de água e fazer gargarejo de 2 a 3 vezes ao dia. Pode-se também passar uma gota do óleo pura na pescoço na região da garganta, massageando-a.
 
Feridas, feridas infeccionadas e machucados:
Passar puro na ferida. O óleo de melaleuca tem o poder de decompor o pus. Mertiolate nunca mais!
 
Hemorróidas:
Utilizar de 5 a 7 gotas do óleo de melaleuca diluído em uma bacia com água morna em banho de assento por aproximadamente 10 minutos. Utilizar também, 2 gotas de óleo de melaleuca sobre as cuecas ou calcinhas, dentro da gaveta.
 
Herpes labial, genital e zóster ou sapinho
O óleo essencial de melaleuca é um poderoso antiviral e ajuda a secar as vesículas do herpes. Utilize-o puro sobre as vesículas ou, em caso de irritação da pele e das sensíveis membranas mucosas, dilua em quantidade igual de óleo vegetal. Aplique com um cotonete quatro vezes ao dia.

Impetigo, ptiríase, psoríase, tricomoníase vaginal, coceira genital e nas virilhas, líquen.
Gel 0,5 a 2% uso local ou 10 gotas em 100 ml água passando com algodão na área. Agite bem antes de usar.
 
Imunidade baixa
Usar 1 gota de óleo de melaleuca duas vezes ao dia no aromatizador pessoal.
 
Massagem para alívio de dores musculares e tensões psicológicas.
Misturar o óleo de melaleuca a um óleo vegetal puro como oliva, amêndoas ou abacate na proporção de 25 gotas para cada 50 ml. Guardar a mistura em um vidro escuro (âmbar) agitando bem antes do uso.
 
Micose de unha (fungo), unha preta, descamando ou encravada e pé de atleta
1 a 2 gotas 2 vezes ao dia, diretamente sobre a unha, por 4 a 6 meses. Pode ser associado meio a meio com o óleo de cravo da índia ou óleo de copaíba, para obter resultados ainda melhores.
 
É importante que se coloque também, um pouco de óleo nas unhas adjacentes, para evitar o contágio do fungo. Para se obter sucesso no tratamento, o fungo deve ser totalmente eliminado da unha. Para que isto ocorra, a unha doente deve ser totalmente substituída por uma saudável, livre do fungo.
 
Como o crescimento da unha se faz de forma muito lenta, este processo demanda tempo: cerca de 6 meses para as unhas das mãos e cerca de 12 meses para as unhas dos pés. Estas características fazem da onicomicose uma doença de tratamento complicado, pois exige paciência e perseverança no uso da medicação, além da unha ser um local de difícil penetração do produto para aplicação tópica.
 
Molusco Contagioso:
O molusco contagioso é uma doença dermatológica causada por um Poxvirus, parente do vírus da varíola. É o maior (300 nanometros) e mais complexo virus que infecta o ser humano. Caracteriza-se por tumores cutâneos claros que surgem na pele. Também é popularmente denominada de verruga d’água.
 
O uso de óleos essenciais para o tratamento do MCV têm se mostrado como um tratamento eficaz, indolor e relativamente rápido em pelo menos 90% dos casos. Aplicar com cotonete, puro sobre as lesões ou se a pele for sensível, diluir 5 gotas de óleo de melaleuca em 5 ml de óleo vegetal de copaíba ou de calêndula, 3 vezes ao dia, até sumirem.
 
Otite (dor de ouvido), abcessos e furúnculos:
Utilizar 1 gota sobre a infecção. Pode-se usar cotonete.
 
Pêlo encravado:
Acrescente 2 gotas do óleo de melaleuca ao seu esfoliante antes da depilação.
 
Radioterapia:
Aplicar, massageando levemente, sobre a área a proteger, em uma solução de óleo base, (óleo de amêndoas 50 ml) 4 a 5 gotas de óleo de melaleuca, antes e após a submissão de radioterapia.
 
Sudorese (suor excessivo):
Misture 25 gotas de óleo de melaleuca em 100 ml de água. Borrife o corpo com o produto, utilize-o nos pés e nos calçados, Guarde os calçados com uma bolinha de algodão com uma gota do óleo, evitando assim a prolifderação das bactérias causadoras do mau cheiro. Se o problema, nas axilas, for mais sério, pode-se colocar uma gota em cada uma delas.
 
Sinusite infecciosa - Inalação:
Colocar 4 a 6 gotas de óleo de melaleuca em uma vasilha com 1/2 litro de água fervendo para produzir vapor. Inclinar-se sobre ela, tampando a cabeça e a vasilha, com uma toalha. Respirar lentamente os vapores aromáticos durante 10 minutos. Atenção: é importante manter os olhos fechados para evitar irritação.
 
Varizes:
Usar compressas em gaze desinfectada ou faixas esterilizadas que permitam envolver várias vezes o local afetado. Embeber com água e torcer para retirar o excesso, colocar sobre ela 3 a 5 gotas de óleo de melaleuca. A água pode estar quente ou gelada de acordo com a necessidade. Deixar uma hora, reaplicando outras vezes durante o tempo disponível.
 
Verrugas e calos:
Aplique uma gota de óleo puro sobre a verruga ou calo 2 a 3 vezes ao dia.
 
Uso veterinário - micoses e dermatite seborréica:
É aconselhável, para o banho de cães e gatos, utilizar somente o óleo de melaleuca bem diluído em água.
Na quantidade de água para o banho, adicionar 3 ou 4 gotas do óleo essencial. Os animais são bastante sensíveis a óleos essenciais.
 
O óleo de melaleuca (Tea Tree) é uma espécie de "mata-tudo" do bem e deve ser carregado no kit de primeiros socorros, junto com a lavanda e hortelã-pimenta.
 
De olho na qualidade
Há muitos tipos de Melaleuca, mas só a Alternifólia tem propriedades regenerativas. Na Austrália, há uma organização, a  ATTIA - Australian Tea Tree Industry Association -, que monitora e estabelece normas de qualidade para o Tea Tree. consute no endereço.

Além disso, o óleo tem de ser puro, sem misturas e devidamente acondicionado. As melhores embalagens são de vidro (de preferência de cor âmbar), pois protegem o produto da exposição solar e não interferem na sua composição, mantendo a qualidade do produto. Mas até o produto de menor qualidade também tem seu valor. Se você encontrar Tea Tree muito barato, sinal que foi 'batizado', ou em embalagem de plástico, utilize-o como desinfetante para limpeza da casa e na lavagem dos panos de limpeza e os de animais. Também pode-se utilizar umas gotinhas no amaciante de roupas, para evitar o cheiro de umidade (principalmente no inverno).
 
Dicas extras
Se você tem filho pequeno em casa, livre-se das bactérias aplicando uma gota da substância na lavagem de fraldas e louças dos bebês. O óleo ainda pode ser usado para higienizar banheiros, pias e vasos sanitários. Nesses casos, aplique apenas uma gota misturada em água e use como desinfetante. Isso também vale para quem costuma usar banheiros públicos. Antes de utilizá-lo, pingue uma gota no vaso sanitário e logo depois espalhe com papel higiênico, para desinfetar o local. Por esse motivo, recomendo que o Tea Tree seja carregado na bolsa, para casos de emergência.
 
Este óleo não deveria faltar em nenhuma farmácia caseira.
 
Fontes: Beatriz Yoshimura - www.beatrizyoshimura.blogspot.com
Diplomada em Aromaterapia Holística pelo Tisserand Institute (Londres/Reino Unido)
 
Fabian László. Enciclopédia de Fitoaromaterapia. No prelo.
 
Botica Magistral - Farmácia de Manipulação
 
Belezain - Marisa Abrita Barbosa
 
Packer, J.F. e Luz, M.M.S. Antimicrobiano e Antiinflamatório Naturais para a Acne. Método para avaliação e pesquisa da atividade antimicrobiana de produtos de origem natural. Revista Brasileira de Farmacognosia,vol. 17nº 1. João Pessoa, 2007.

 
var _gaq = _gaq || []; _gaq.push(['_setAccount', 'UA-19885433-1']); _gaq.push(['_trackPageview']); (function() { var ga = document.createElement('script'); ga.type = 'text/javascript'; ga.async = true; ga.src = ('https:' == document.location.protocol ? 'https://ssl' : 'http://www') + '.google-analytics.com/ga.js'; var s = document.getElementsByTagName('script')[0]; s.parentNode.insertBefore(ga, s); })();